Seminário do MPL em Santos tira dúvidas sobre o que é o movimento e quais seus princípios.

1098311_582025735192957_1474924174_n

“Não queremos um benefício! Queremos uma outra lógica […] somos um movimento anti capitalista […] nossos princípios não foram decididos de cima pra baixo, foram decididos na nossa vivência […] Queremos uma vida sem catracas […] o MPL não é um espaço de disputas, temos uma pauta clara” Mayara MPL SP

Neste último sábado (24) ocorreu um seminário no Centro dos Estudantes (CES) em Santos para discutir o que é Movimento Passe Livre (MPL) e contou com a participação de Mayara integrante do MPL SP, o objetivo além do debate foi entender o movimento, saber sua história, seus princípios e de que forma se articula cotidianamente.

576565_582025745192956_1443063352_nO seminário contou com a presença de pessoas interessadas em construir o movimento na Baixada Santista, pois desde as manifestações de junho com as mobilizações de rua que reverberaram aqui na região, as manifestações que ocorreram aqui se confundiram com atos puxados pelo MPL, e no entanto, não era, e sim a soma de diversos coletivos e pessoas autônomas. Podemos até dizer que devido o nome MPL ter se tornado a bola da vez, um pouco de oportunismo também esteve presente. Contudo, o seminário apresentou diversas questões que denotam que o MPL é para além de um grupo esponteneísta de meninos e meninas como a mídia tentou apresentar e boa parte da esquerda fez questão de bradar.

Na verdade o MPL é um movimento muito bem articulado de principios sólidos e coerentes que luta por um transporte público como direito social, e também um grupo anti capitalista que não tem a intenção de liderar ou representar o povo, pois acredita na capacidade do povo se auto gerir.

Ouça os áudios logo abaixo de parte do seminário.

Histórico;

Surgimento na base;

Horizontalidade;

Tarifa Zero;

Share